quarta-feira, 23 de junho de 2010

Gastos de turistas estrangeiros no Brasil crescem 15,4% em maio

Acumulado nos primeiros cinco meses de 2010 atinge US$ 2,5 bilhões em receitas, melhor desempenho do período em mais de 60 anos

Os turistas estrangeiros que visitaram o Brasil em maio de 2010 deixaram US$ 408 milhões no país, segundo dados divulgados nesta terça-feira (22) pelo Banco Central (BC). O resultado é 15,4% superior a maio de 2009. O acumulado de janeiro a maio deste ano soma US$ 2,5 bilhões em receitas – melhor resultado para o período em toda a série histórica do BC, iniciada em 1947 – superando em 16,6% os cinco primeiros meses de 2009.

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, celebra os resultados ao dizer que "esses números tão positivos para a economia do turismo e do país são fruto de um trabalho constante do governo federal, do Ministério do Turismo (MTur) e da Embratur. Com planejamento estratégico, avaliação dos cenários e oportunidades, bem como investimentos planejados, estamos consolidando a indústria do turismo, a cada ano, como um grande polo de divisas que se convertem em ganhos materiais, culturais e sociais para o Brasil. Precisamos celebrar esses resultados, manter o otimismo, mas sem perder de vista o trabalho e a dedicação em preparar o nosso país para os maiores eventos desta década: a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016".

Jeanine Pires, presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) também avalia os resultados. “Em 2010, a entrada de divisas tem evoluído de forma muito positiva e constante, o que indica que chegaremos ao final deste ano com um crescimento expressivo da receita gerada pelo turismo internacional, principal indicador para o país – já que contribui com a balança comercial de serviços, ajuda a gerar emprego e distribuir renda”.

Comparando os cinco primeiros meses de 2010 com o mesmo período de 2003, o crescimento na entrada de divisas atinge 167,6%.

O cálculo do Banco Central inclui trocas cambiais oficiais e gastos com cartões de crédito internacionais.

Fonte: MTur

Nenhum comentário:

Postar um comentário