terça-feira, 30 de novembro de 2010

Tropical Hotel vai à leilão por R$ 186 milhões

Decisão da Justiça serve para quitar dívidas do hotel com a antiga Eletronorte. O leilão acontecerá no Fórum Ministro Henoch Reis, localizado na Avenida Umberto Calderaro Filho, antiga Rua Paraíba, bairro Aleixo, zona centro-sul.


Manaus - O Tropical Hotel Manaus, um dos maiores e mais luxuosos hoteis do Amazonas, irá a leilão no próximo dia 6 de dezembro. A requerente é a empresa Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A. (Eletronorte), os controladores do hotel tem dívida. O valor do lance do imóvel é de R$ 186,8 milhões, avaliado pela Justiça do Amazonas. O edital do leilão foi publicado ontem, nos classificados de um jornal local.
Rede Tropical Hotel também administra a torre Tropical Manaus Business,
em ponto privilegiado na orla do Rio Negro. Foto: Jair Araújo

O leilão acontecerá no Fórum Ministro Henoch Reis, localizado na Avenida Umberto Calderaro Filho, antiga Rua Paraíba, bairro Aleixo, zona centro-sul. Caso a primeira ‘praça’ (tentativa de leilão) fracasse, a segunda foi marcada para o 17 de dezembro. A arrematação acontecerá mediante lance igual ou superior ao da avaliação judicial, em dinheiro à vista ou no prazo de 15 dias, mediante caução (garantia legal).

De acordo com o edital judicial, em 28 de março de 1995, a companhia aérea Varig, hoje inoperante, ofereceu o Tropical Hotel Manaus como garantia de um empréstimo, no valor de US$ 100 milhões (R$ 172,8 milhões, em valores de hoje) junto ao banco Brasilian American Merchant Bank, que agiu como credor hipotecário. O controlador da instituição é o Banco do Brasil, que possui as hipotecas do Tropical Hotel. O imóvel também tem ônus com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), não revelado.

Em seu site (www.tropicalmanaus.com.br), o Tropical Manaus é descrito como “um dos hotéis mais luxuosos na Região Norte do País”. Situado a 10 quilômetros do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, possui 594 apartamentos com decoração contemporânea ou colonial, além de sete categorias diferentes de acomodações.
O hotel dispõe de suítes presidenciais, duplas e triplas, com varandas, divididas em seis blocos. O imóvel também possui duas piscinas, academia, salão de jogos, campos desportivos, bares e restaurantes, lojas comerciais, e serviços de estacionamento, lavandeira, centro de convenções, salão de beleza, dentre outros. O DIÁRIO tentou contato com a gerência geral do hotel, mas não obteve sucesso até o fechamento desta edição.

Rede nacional possui cinco hoteis, com mais de 1,4 mil apartamentos

O Tropical Hotel Manaus pertence à rede Tropical Hotels & Resorts Brasil, que possui cinco empreendimentos hoteleiros diferenciados. Além do Tropical Hotel Manaus, há o Tropical Tambaú, na Paraíba, o Tropical da Bahia e o Tropical Oceano Praia, localizado em Porto Seguro, também na Bahia.

No ano passado, a rede completou 50 anos de atividades. Fundada em 1959, como Realtur S/A Hotelaria, ligada a Real S/A Transportes Aéreos, a Tropical é uma empresa brasileira. No total são mais de 1,4 mil apartamentos, divididos nas categorias H, voltada para executivos e negócios, e HL (hotéis de lazer), variando de quatro a cinco estrelas, de acordo com a antiga classificação da Empresa Brasileira de Turismo (Embratur). A Rede Tropical de Hotéis possui escritórios de representação de vendas em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Manaus, João Pessoa e Salvador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário