domingo, 27 de janeiro de 2013

Estudo de Viabilidade Econômica de Hotel

Cezar Nogales
SN Hotelaria
contato@snhotelaria.com.br
Com a aposta do crescimento do turismo no Brasil, tanto com o turista nacional quanto como o turista estrangeiro, nunca, em nossa historia moderna houveram tantos investimentos tanto do setor privado, quanto do setor publico.

Uma demonstração deste crescimento são os empréstimos via BNDES para a construção, reforma e melhoria do parque hoteleiro nacional. Com estes investimentos, a carência de certas regiões e a melhoria tecnológica dos hotéis já existente está se tornando possível e vem atraindo cada vez mais investidores para o setor.

Obviamente que a grande maioria se esquece que, para poder usufruir dos 2 anos de carência e os juros anuais baixíssimos disponibilizados pelo BNDES, é necessário que haja um Estudo de Viabilidade Econômica do Meio de Hospedagem a ser implantado.

Outra questão importante é de que para que se negocie o empréstimo diretamente no BNDES é necessário um projeto minimo de R$ 5 milhões, caso o projeto do hotel seja menor que este valor, o empréstimo é feito via banco credenciado como o Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal ou então os Bancos de Desenvolvimento Regionais dos Estados.

O que é o Estudo de Viabilidade Econômica.

Este estudo deve ser realizado por um profissional que conheça o mercado hoteleiro de fato, uma vez que é necessário realizar uma análise do mercado regional, o planejamento tributário, uma pesquisa de campo, informações quanto à necessidade de um meio de hospedagem na região, conhecimento da concorrência e da futura clientela são, entre outras, informações mais do que relevantes a serem conhecidas antes da efetiva concretização da mesma.

A viabilidade econômica para meio de hospedagem (hotéis, pousadas, etc) é uma analise detalhada que dois objetivos importantes

1) Identificar e fortalecer as condições necessárias para que o projeto dê certo.
2) Identificar e neutralizar os fatores que podem dificultar as possibilidades de êxito do projeto.

Englobando os aspectos econômicos e aspectos que implicam em definir as relações que as pessoas envolvidas no projeto vão estabelecer entre si, como tarefas, compromissos e responsabilidades a serem assumidas.



A SN Hotelaria em conjunto com a Aguia Consultoria realizam este estudo da seguinte forma:

Primeiramente damos respostas as seguintes perguntas:

Sobre os processos hoteleiros:

Que tipo de Meio de Hospedagem a região precisa?
Quantas Unidades Habitacionais este hotel deve possuir?
Quais os serviços mínimos que este hotel deve manter?
Qual será a ocupação deste hotel?
De quantos colaboradores e que funções desempenharão?
Quais os custos que este Hotel terá, tanto custos fixos e custos variáveis?
Onde e como se encontrarão os fornecedores de todos os produtos e serviços necessários ao funcionamento do hotel?
Como será a logística de produção e serviços do hotel?
Os investidores conhecem todos os aspectos de produção de um Hotel?


Sobre os investimentos

Para atender a todas as exigências que o mercado pede, quais as máquinas, equipamentos e mobiliário necessário?
Visando o atendimento das exigências do mercado, qual é o aspecto arquitetônico e predial necessário?
Qual o custo de maquinas, equipamentos e mobiliários?
Qual o custo arquitetônico e predial?
Quais são as instalações necessárias (como piscina, sauna, quadras, teatros)?


Sobre o consumo energético

O maquinário consome  que tipo de energia (elétrica, hidráulica, óleo, carvão)?
Quais as tecnologias que serão aplicadas para a redução deste consumo?
Quais as tecnologias que serão aplicadas para a reutilização e saneamento destes consumos (água por exemplo, haverá coleta de água de chuva? a água servida será tratada?)


Sobre a Comercialização do Meio de Hospedagem

O hotel será capaz de atender a ocupação projetada?
Qual a sazonalidade anual?
Quais os canais de distribuição a serem utilizados?
Quais as ADR, RevPAR, GOPPAR que serão obtidos?
Qual a proximidade dos terminais de meios de locomoção (aéreo, ferroviário, rodoviário) e sua influencia?
Haverá necessidade de charter próprio?
Quais são os concorrentes deste meio de hospedagem?
Qual é o posicionamento Bechmarking destes concorrentes?


Sobre Impostos e legislação 

Quais os registros fiscais necessários?
Quais os impostos envolvidos?
Quais os contratos necessários para atender esta obrigação?


E não para por ai!

Rui Ventura
Águia Consultoria
rui@ruiventura.com.br
Logicamente o estudo não se encerra por aqui, após responder a todas estas questões detalhadamente são necessários a produção de todos os cálculos necessários para valorar o investimento inicial, o investimento estrutural e o investimento inaugural, ainda assim, projeções serão necessárias para que se calculem suas devidas taxas de retorno, custos periódicos e Planejamentos tanto comerciais como operacionais.

`Neste ponto que o BNDES se envolve e de fato quer saber de quanto investimento você precisa, quais são as suas garantias reais e se seu negócio vai dar retorno para poder pagar o investimento.

Atualmente Ventura e Nogales Associados (SN Hotelaria e Aguia Consultoria) é a unica consultoria especializada em hotelaria que pode lhe prover este estudo de forma correta e com reais chances de obtenção de todas as projeções

Nos conheça melhor:
www.snhotelaria.com.br
www.ruiventura.com.br




Um comentário:

  1. Além de que, nós da Águia Consultoria e SN-Hotelaria A partir de agora: Ventura & Nogales Associados prestam todo o tipo de assessoria desde a viabilidade Econômica processos de aporte de capital, até, se for o Caso a Administração do Novo empreendimento.

    ResponderExcluir